Kirk Douglas abusou sexualmente de Natalie Wood, diz irmã da atriz

Natalie Wood terá encoberto a agressão sexual para não prejudicar a carreira em Hollywood

A falecida estrela de Hollywood, Natalie Wood, foi abusada sexualmente quando era adolescente pelo ator Kirk Douglas, diz a irmã da atriz, Lana, no seu livro de memórias "Little Sister", com lançamento previsto para 9 de novembro.

De acordo com trechos da obra publicados pela Associated Press, os abusos terão ocorrido durante o verão de 1955, quando Natalie Wood estava a filmar The Searchers, confirmando assim rumores que circulavam há décadas.

Os rumores do alegado abuso era tão comuns que o nome de Natalie Wood apareceu nas principais tendências do Twitter aquando da morte de Kirk Douglas, em fevereiro de 2020, aos 103 anos.

Lana Wood diz que o encontro entre ambos no hotel Chateau Marmont foi organizado pela sua mãe, Maria Zakharenko, que esperava que Kirk Douglas pudesse ajudar a abrir as portas do cinema a Natalie Wood, que segundo a irmã parecia "especialmente bonita" à entrada para o hotel.

Bem diferente era o aspeto de Natalie Wood quando voltou para o carro. "Parecia que tinha passado muito tempos antes de Natalie voltasse para o carro e me acordasse quando fecho a porta. Ela parecia horrível, estava muito chateada. Ela e a mãe começaram a sussurrar uma para a outra. Eu não conseguia ouvi-las ou entender o que estavam a dizer. Algo aparentemente mau aconteceu com a minha irmã, mas, fosse o que fosse, eu era demasiado nova para ouvir a conversa", contou.

Lana Wood, que tinha oito anos na altura, diz que sua irmã e a sua mãe concordaram que Natalie arruinaria a sua carreira caso acusassem publicamente Douglas por a ter atacado e que só soube o que aconteceu anos depois, quando a mana lhe contou que o ator a levou para suíte dele: "Ele magoou-me, Lana".

Na altura, Kirk Douglas tinha quase 40 anos e era um dos atores mais famosos de Hollywood, depois de ter sido protagonista em filmes como Spartacus, The Bad and the Beautiful e Gunfight at the O.K. Curral.

Michael Douglas, filho de Kirk, enviou um comunicado à Associated Press a pedir respeito pela memória do pai: "Que os dois descansem em paz."

A morte de Natalie Wood, por afogamento durante uma viagem de barco para a ilha de Santa Catalina, na Califórnia, em novembro de 1981, continua envolta em grande mistério. O seu marido na altura, Robert Wagner, foi citado como pessoa de interesse pela polícia em 2018. Lana Wood está entre os que o responsabilizam pela morte da irmã.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG