Eminem pede desculpas a Rihanna por ter defendido quem a agredia

Rapper gravou uma música, que acabou na Internet no ano passado, na qual tinha dito que ficava do lado do ex-namorado da cantora, Chris Brown, que em 2009 admitiu que a agrediu.

Eminem usou uma das músicas do seu último álbum, lançado na sexta-feira, para pedir desculpas a Rihanna. Tudo porque, numa música com mais de dez anos que no ano passado acabou por ser divulgada na internet, dizia que ficava do lado de Chris Brown, o ex-namorado da cantora que a agrediu em 2009.

Na sua música Zeus, do álbum surpresa Music to be Murdered By Side B., o rapper norte-americano diz: "And wholeheartedly apologies Rihanna for that song that leaked/I'm sorry, Rih, it wasn't meant to cause you grief/It was wrong of me." (algo como "E peço desculpas de todo o coração a Rihanna por aquela música que vazou / Sinto muito, Rih, não era para te causar tristeza/ Foi errado da minha parte").

Em janeiro, o rapper tinha lançado Music to be Murderede By.

No ano passado, veio a público a música Things To Get Worse, que teria sido gravada para o álbum Marshall Mathers, lançado em 2009. Nela, o rapper dizia algo como "claro que fico do lado do Chris Brown. Também batia numa cabra".

Chris Brown admitiu em 2009 ter agredido a ex-namorada, tendo sido condenado a cinco anos de pena suspensa e a trabalho comunitário.

Quando a música foi divulgada, o seu porta-voz disse que a música tinha mais de dez anos e que depois de o Eminem a ter gravado, tinha-a rejeitado e rescrito.

Eminem e Rihanna colaboraram já em várias ocasiões, nomeadamente no single Love the Way You Lie (2010), Numb (2012) e The Monster (2013).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG