Prémio máximo do Euromilhões passa a 200 milhões de euros

Até agora o teto do prémio era de 190 milhões de euros. Em fevereiro aumenta para dez milhões de euros.

O valor do primeiro prémio do Euromilhões vai aumentar em 2020. Atualmente, o prémio máximo vai até aos 190 milhões de euros, mas, a partir de fevereiro, o valor vai aumentar dez milhões de euros. O Governo reviu o teto para o grande prémio que passará assim para os 200 milhões.

Segundo o novo regulamento do Euromilhões, publicado em Diário da República, "quando não forem escrutinadas apostas com direito ao 1.º prémio, o montante a este destinado acresce ao valor do 1.º prémio do concurso imediatamente seguinte, até ao montante de 200 milhões de euros".

Apesar do aumento do valor máximo do jackpot, o prémio máximo continua a só ficar em sorteio durante quatro concursos. "O concurso em que o valor do 1.º prémio atinja o montante de 200 milhões de euros e até aos quatro concursos subsequentes sem que seja atribuído o 1.º prémio, num máximo de cinco concursos consecutivos, o valor destinado a esta categoria não pode ser superior àquele montante, acrescendo o remanescente da importância destinada ao 1.º prémio ao valor do prémio da categoria imediatamente inferior em que haja, pelo menos, uma aposta premiada", refere o novo regulamento.

O novo regulamento "produz efeitos para as apostas registadas para participarem a partir do sorteio de 4 de fevereiro de 2020 inclusive".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG