Astronautas trouxeram da Lua a rocha mais antiga da Terra

Um estudo publicado na revista Earth and Planetary Science Letters revela que a rocha trazida pela tripulação da Apollo 14, em 1971, teve origem no nosso planeta e terá colidido com a Lua há quatro mil milhões de anos.

Aquela que pode ser uma das mais antigas rochas com origem na Terra foi agora descoberta no material que os astronautas da Apollo 14 trouxeram da Lua há quase 50 anos.

Os cientistas acreditam que a rocha, composta de quartzo e zircão, ficou cristalizada abaixo da superfície da Terra há quatro mil milhões de anos e que terá sido lançada em direção à Lua numa colisão com um asteroide ou cometa logo em seguida.

"É uma descoberta extraordinária que ajuda a ter uma imagem melhor da Terra primitiva e a colisão que modificou o nosso planeta durante a aurora da vida", disse David Kring, cientista do Instituto Lunar e Planetário em Houston, Texas.

A análise química do fragmento sugere que ele se formou a mais de 12 milhas abaixo do solo num ambiente oxidante, que pode ser encontrado na Terra, mas não na Lua. Um grande impacto terá escavado a rocha, lançando-a no espaço, avança o estudo da Earth and Planetary Science Letters.

A revista revela ainda que o impacto que atingiu a rocha aconteceu há 26 milhões de anos, quando um asteroide bateu na lua e fez a cratera Cone, medindo 340 metros de largura e 75 metros de profundidade, perto do local em que a Apollo 14 terá pousado.

Esse impacto fez emergir a rocha, que foi então recolhida pelos astronautas da NASA. A tripulação da Apollo 14 passou mais de 33 horas na superfície lunar em fevereiro de 1971 e trouxe para casa quase 43 quilos de rochas lunares.

Os investigadores, liderados por Jeremy Bellucci e Alexander Nemchin no Museu Sueco de História Natural e na Universidade de Curtin, na Austrália, admitem, por seu lado, que a rocha pode ter-se formado na Lua, mas argumentam que isso teria exigido condições não vistas anteriormente em amostras lunares.

Para ter uma origem lunar, a rocha teria que cristalizar numa profundidade tremenda, onde as rochas tendem a ter composições muito diferentes, explicam eles.

A Terra formou-se no início do sistema solar há 4,5 mil milhões de anos. O mais antigo fragmento conhecido de rocha terrestre é um cristal de zircão da Austrália Ocidental. A tira de material, a mesma largura de dois cabelos humanos, foi datada de 4,4 mil milhões de anos.

Ler mais

Exclusivos