"Homem avião" faz um voo histórico a 1800 metros de altitude

O francês Vince Reffet esteve três minutos no ar com um jetpack que consiste numa asa delta de fibra com quatro mini-motores. Subiu a 1800 metros e teve de abrir o paraquedas para regressar ao solo do Dubai.

O "homem avião" francês, Vince Reffet, fez um voo a 1.800 metros de altitude no Dubai, o primeiro a ser realizado, anunciaram os organizadores da Exposição Mundial 2020, que patrocinaram o evento considerado como um feito "histórico".

O voo foi realizado na última sexta-feira pelo piloto de 34 anos, muito experiente neste tipo de desafios extremos.

Num comunicado à imprensa, a Expo Dubai 2020 destacou ter alcançado com "o 'Jetman Dubai' (...) um feito inédito mundial na busca por um voo humano 100% autónomo: descolando do solo e subindo a grande altitude".

Segundo os organizadores, Vince Reffet sobrevoou alguns metros sobre as águas do Golfo. Em 8 segundos alcançou 100 metros de altura, em 12 segundos estava nos 200 m, aos 19 voava a 500 m e atingiu os 1000 metros aos 30 segundos a uma velocidade média de 240km/h. No final de um voo de 3 minutos, em que fez um loop a 1800 metros de altitude, Vince Reffet abriu o paraquedas a 1500 m antes de aterrar no Skydive Dubai. Veja o video:

"É o resultado de um trabalho em equipa extremamente minucioso, no qual todas as etapas pequenas geram enormes resultados. Tudo foi planeado ao detalhe e estou muito feliz pelo progresso alcançado", afirmou Reffet, citado no comunicado.

"Foi um novo passo num projeto de longo prazo. Um dos objetivos futuros é conseguir aterrar, após um voo em altitude, sem a necessidade de abrir um paraquedas", acrescentou.

Para realizar a última façanha, Reffet voou com uma asa delta de fibra de carbono impulsionada por quatro mini-motores de reação. Controlado pelo corpo humano, este equipamento permite que o 'Jetman', como é conhecido, atinja velocidades até 400 km/h, plane, mude de direção e faça 'loopings'.

O francês está habituado a alcançar recordes. Com o seu colega Fred Fugen, atravessou no final de 2019 o famoso "Portão do Céu", uma enorme brecha de 130 metros de altura por 30 de largura, no parque montanhoso do Monte Tianmen, localizado na província de Hunan, sul da China.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG