refugiados

Premium

Investigate Europe

Os esquecidos do navio alemão 'Sea Watch 3'

Portugal acolheu cinco dos refugiados salvos no Mediterrâneo pelo navio alemão que o governo italiano queria impedir de aportar, em junho, e cuja capitã foi detida. Uma investigação do Investigate Europe revela que 11 dos refugiados continuam por realojar - incluindo uma mulher grávida - e estão num campo de detenção em condições desumanas.

Catarina Carvalho

Refugiados: um deputado europeu sonhador e a burocracia

Devia ser fácil ter uma posição sobre salvar vidas no Mediterrâneo. E é. Talvez não seja tão fácil saber como se salvam essas vidas, ou que ações tomar para não ficarem em risco. Estão demasiados assuntos em questão, das guerras às alterações climáticas, passando pelas máfias. Mas isso não devia ser razão para que não se tivesse sempre em mente a primeira premissa, quando se tentar trabalhar sobre a segunda. É a confusão das duas que faz a demagogia correr solta.