Passageiros do navio cruzeiro já começaram a ser retirados. Número de infetados subiu para 68

A operação de transporte dos passageiros com teste negativo para o aeroporto vai decorrer de forma faseada até ao início da tarde.

Os passageiros, com teste negativo à covid-19, começaram a desembarcar às 06:00 do navio cruzeiro atracado no porto de Lisboa, estando a ser transportados para o aeroporto de Lisboa, disse à Lusa o capitão Vieira Branco.

"Conforme previsto, por volta das 06:00 começou a decorrer a operação de transporte de passageiro não infetados para o aeroporto. Todos com teste covid negativo efetuado nas últimas 48 horas", disse o capitão do porto de Lisboa e comandante local da Polícia Marítima de Lisboa, Diogo Vieira Branco, à Lusa.

De acordo com o comandante, a operação decorrerá de forma faseada até às 15:00 de hoje para evitar as aglomerações e complicações devido ao excesso de pessoas que estão a ser encaminhadas ao aeroporto num curto espaço de tempo.

O capitão do porto de Lisboa adiantou também à Lusa que o número pessoas infetadas com covid-19 no navio cruzeiro atracado no porto de Lisboa aumentou de 64 para 68.

No domingo, o comandante Vieira Branco tinha dito que foram detetados mais 12 casos positivos de covid-19, que se somam aos 52 casos sinalizados nos últimos dias e que levaram o navio a ficar atracado em Lisboa.

"Ainda no decorrer do dia de ontem [domingo] tinham sido detetados 12 positivos e o número acabou para elevar para 16, sendo oito passageiros e oito tripulantes. Todos vacinados e assintomáticos ou com sintomas ligeiros", adiantou.

O comandante indicou também que o navio pediu ainda no domingo às autoridades de saúde que os oito passageiros infetados fossem desembarcados e instalados em unidade hoteleira de Lisboa para cumprir a quarentena devida.

"Os oito tripulantes positivos vão cumprir quarentena a bordo", disse.

As 52 pessoas infetadas e que tinham sido anteriormente retiradas do navio para unidades hoteleiras da cidade de Lisboa irão permanecer nesses hotéis até ao fim do período de quarentena.

Sobre a saída do navio, o comandante Vieira Branco disse que está marcada para quarta-feira, mas que ainda não é certo.

O navio cruzeiro "AIDA Nova" chegou a Lisboa no dia 29 de dezembro de 2021, com 4197 pessoas a bordo, entre 1353 tripulantes e 2844 passageiros, de várias nacionalidades, maioritariamente alemã.

Logo nesse dia foram detetados 14 casos positivos à covid-19, número que aumentou para 52 no dia seguinte, em 30 de dezembro, tendo essas pessoas sido retiradas do navio para hotéis de Lisboa, todas vacinadas e assintomáticas ou com sintomas ligeiros da doença.

No dia 31 de dezembro, sexta-feira, as autoridades de saúde deram autorização para a saída do navio, mas o armador optou por permanecer até ao dia 2 de janeiro, domingo, dia em que iria para Lanzarote, em Espanha.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG