Homem detido por crime de incêndio florestal na Madeira

O homem de 31 anos é suspeito de provocar um incêndio florestal na freguesia do Caniço com recurso a chama direta.

Um homem de 31 anos foi detido esta quinta-feira de madrugada na Madeira como presumível autor de um incêndio florestal ocorrido na freguesia do Caniço, concelho de Santa Cruz, na zona leste da ilha, indicou a Polícia Judiciária (PJ).

A autoridade policial esclarece, em comunicado, que o homem foi detido "fora de flagrante delito".

"O incêndio foi praticado com recurso a chama direta, só não atingindo outras habitações contíguas, devido à pronta deteção por parte de populares e ao imediato combate pelos Bombeiros Sapadores de Santa Cruz", refere.

A PJ adianta que, após a prática do crime, o suspeito foi localizado e intercetado nas imediações da residência pela Polícia de Segurança Pública de Santa Cruz.

O detido irá ser presente às autoridades judiciárias competentes para eventual aplicação de medidas de coação tidas por adequadas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG