"Com o que temos vivido, gostaria que o James Bond existisse"

O famoso questionário Proust respondido pela diretora de Recursos Humanos da Webhelp, Lina Jesus

A sua virtude preferida?
Humildade.

A qualidade que mais aprecia num homem?
Humor, para mim é sinal de inteligência.

A qualidade que mais aprecia numa mulher?
Generosidade.

O que aprecia mais nos seus amigos?
Sinceridade.

O seu principal defeito?
Preocupar-me pouco comigo própria.

A sua ocupação preferida?
Estar, viver, rir, comer e de preferência rodeada de amigos / família.

Qual é a sua ideia de "felicidade perfeita"?
Um dia de sol, com as pernas esticadas a ouvir música ou o som do mar.

Um desgosto?
Perda de pessoas que amamos. O resto não são desgostos, são meros contratempos.

O que é que gostaria de ser?
Estou contente com o que sou. Acho que é um estado que alcancei com o passar dos anos.

Em que país gostaria de viver?
Mudei-me para um país onde não sabia que iria gostar tanto de viver, Portugal sem dúvida.

A cor preferida?
Arco-íris, impossível escolher, cada cor transmite-me algo diferente.

A flor de que gosta?
Papoila.

O pássaro que prefere?
Andorinha, porque por muito que viaje volta sempre ao seu ninho.

O autor preferido em prosa?
Eugénio de Andrade, que escreve poesia em forma de prosa, e Murakami.

Poetas preferidos?
Florbela Espanca, Baudelaire, Verlaine.

O seu herói da ficção?
Com o que temos vivido, gostaria que o James Bond existisse.

Heroínas favoritas na ficção?
Anna Karenina ou, ainda, Elizabeth Bennett (Jane Austen).

Os heróis da vida real?
Os meus pais, pelo que alcançaram na vida e pelos valores que têm e que me transmitiram.

As heroínas históricas?
Simone Veil.



Os pintores preferidos?
Dalí e Klimt.

Compositores preferidos?
Rodrigo Leão.

Os seus nomes preferidos?
Ricardo e Santiago.

O que detesta acima de tudo?
Quem critica, não apresenta quaisquer soluções e não aceita as ideias dos outros.

A personagem histórica que mais despreza?
Arriscando falta de originalidade, a do Hitler e quem partilhe os valores que este defendia.

O feito militar que mais admira?
Desembarque do D Day.

O dom da natureza que gostaria de ter?
O dom da ubiquidade.

Como gostaria de morrer?
Rodeada de quem amo, no meio de uma gargalhada.

Estado de espírito atual?
Em paz.

Os erros que lhe inspiram maior indulgência?
Erro de principiante, prefiro quem faz e erra do que quem nem sequer tenta fazer.

A sua divisa?
Sê a mudança que queres ver nos outros.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG