Colisão de limusina com um carro estacionado faz 20 mortos em Nova Iorque

Limusina transportava uma festa de casamento quando embateu num outro veículo.

Vinte pessoas morreram numa colisão entre uma limusine e um carro estacionado, no estado de Nova Iorque, avança a AFP.

De acordo com o The New York Times, "testemunhos locais referem que a limusina transportava uma festa de casamento" quando embateu num outro veículo.

Jessica Kirby, gerente de um estabelecimento que estava no local onde ocorreu o acidente, referiu ao jornal norte-americano que "vários clientes que estavam no parque de estacionamento morreram quando foram atropelados pela limusine".

"A limusine desceu a colina a quase 100 quilómetros por hora", explicitou, citada pelo The New York Times.

O excesso de velocidade foi reportado como a causa do acidente, considerado o mais mortífero nos EUA desde 2009.

A tragédia ocorreu sábado ao início da tarde (19:00 em Lisboa), em Schoharie, uma pequena cidade de 3.000 habitantes situada a 250 quilómetros a norte de Nova Iorque, indicou a polícia estatal.

O condutor da limusine, onde se encontravam 18 pessoas, não respeitou o sinal 'stop' num entroncamento , num local, onde a velocidade está limitada a 25 km /h, explicou Christopher Fiore, um responsável da polícia no decurso de uma conferência de imprensa.

A limusine, um Ford Excursion de 2001, ultrapassou o cruzamento e foi embater num carro que estava no parque de estacionamento do Apple Barrel Country Store, um estabelecimento muito frequentado nesta época, numa região conhecida pela sua beleza natural. Dois peões que se encontravam nas proximidades foram mortos, tal como condutor e os 17 passageiros da limusine, precisou Fiore.

A polícia não forneceu qualquer informação sobre a identidade das vítimas, todos adultos, que foram autopsiados no hospital de Albany, a capital do estado de Nova Iorque e a cerca de 50 quilómetros do local do acidente.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG