Surfista australiano salva a mulher ao dar socos em tubarão

Mulher de 35 anos levada de helicóptero para o hospital com ferimentos graves na perna direita

Um surfista australiano saltou da sua prancha para cima de um tubarão que estava a atacar a sua mulher e socou-o repetidamente até que o animal a soltasse, relatou a imprensa australiana, citada pela BBC.

Chantelle Doyle, 35 anos, estava a surfar em Shelly Beach em Port Macquarie, New South Wales (NSW), quando o tubarão a atacou e o marido surgiu em salvamento, ajudando-a depois a chegar à costa.

A mulher foi levada de helicóptero para o hospital com ferimentos graves na perna direita.

Especialistas citados pelo Port Macquarie News acreditam que Chantelle Doyle foi atacada por um tubarão-branco juvenil com até 3 metros de comprimento.

O presidente-executivo do Surf Life Saving NSW, Steven Pearce, elogiou o homem, Mark Rapley, pela sua ação rápida. "Este homem remou e saltou da sua prancha para cima do tubarão e atingiu-o para libertar a mulher dele e depois ajudou-a a voltar para a praia. Muito completo, realmente heroico", disse, citado pelo Sydney Morning Herald.

O inspetor Andrew Beverley, da Ambulance NSW, disse que as pessoas na praia administraram os primeiros socorros a Doyle antes da chegada dos médicos. "As pessoas no local que prestaram assistência devem ser elogiadas. Fizeram um trabalho incrível", frisou, acrescentando que foi o terceiro ataque sério por parte de um tubarão naquela zona da costa nos últimos meses.

Chantelle Doyle foi transportada para o Hospital de Newcastle para uma cirurgia e estava em condições estáveis.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG