10 março 2017 às 01h06

Tusk alerta quem quer "queimar pontes" e defende a Europa unida

Polaco foi ontem reeleito para presidência do Conselho Europeu com a oposição apenas do seu país. Cimeira de Roma, dia 25, deverá evitar referência a UE a várias velocidades.

/img/placeholders/redacao-dn.png
João Francisco Guerreiro
/img/placeholders/redacao-dn.png
João Francisco Guerreiro