Hospital abandona doente de bata na rua em noite gelada

Momento em que mulher foi abandonada por funcionários da unidade captado em vídeo e denunciado nas redes sociais

Um centro médico universitário de Baltimore, nos Estados Unidos, está a ser alvo de uma chuva de críticas depois de ter deixado uma paciente na rua, vestida apenas com uma bata e meias, numa noite em que se registavam temperaturas negativas.

O incidente, ocorrido na passada terça-feira, foi filmado por um psicólogo, Imanu Baraka, que trabalha perto da unidade e estava a passar no local. No vídeo, além das imagens da mulher, claramente debilitada e aparentemente confusa com a situação, pode ser ouvida a voz do autor das gravações a protestar com os quatro funcionários da unidade que escoltaram a paciente até uma paragem de autocarro.

O Hospital já veio entretanto pedir desculpa pelo sucedido, garantindo que o que se passou naquela noite não é prática daquela unidade e que, apesar de a paciente "não ter sido mal acompanhada" enquanto esteve no interior da unidade, foi aberto um inquérito para averiguar o que correu mal com esta estranha alta.

O certo é que, segundo o Washington Post, já houve registo de outros episódios semelhantes ocorridos em unidades hospitalares do país, tendo esta prática ganho mesmo a designação de "patient dumping".

n

Ler mais

João Almeida Moreira

Premium Segundos, Enéas e minutos

"O senhor vê na televisão o programa político eleitoral do presidente, tudo colorido, todos contentes, artistas milionários, se é essa a sua realidade, então vote neles, PT, PMDB, PSDB, PRTB, qualquer P, sempre estiveram juntos, é falsa a briga deles, agora se o senhor não aguenta mais ver menor abandonado na rua, as drogas, os crimes, tudo o que não presta aumentando, se você quiser expulsar para sempre esses patifes do poder, só existe uma opção, 56, o senhor nunca me viu junto com nenhum deles e comigo o senhor vai ficar livre de todos eles, o meu nome é Enéas 56."