"Está tudo ótimo". Trump diz estar muito bem de saúde após realizar exames em hospital

De forma imprevista, o presidente norte-americano submeteu-se a exames médicos no sábado. Pelo Twitter, assegura que está "tudo muito bom, ótimo".

Donald Trump diz que está em muito bom estado de saúde após ter passado por um hospital onde sábado realizou a primeira fase de um exame médico anual. O presidente dos EUA recorreu ao Twitter para garantir que a primeira fase de exames no Centro Médico Militar Walter Reed, em Washington não revelou nada de anormal. "Tudo muito bom (ótimo!). Será concluído no próximo ano", escreveu.

A Casa Branca informou que Trump passou por um exame rápido e por alguns testes de laboratório. "Antecipando um 2020 muito ocupado, o presidente aproveitou um fim de semana livre para iniciar o seu exame físico anual de rotina em Walter Reed", revelou a secretária de imprensa da Casa Branca, Stephanie Grisham, em comunicado.

O presidente americano também visitou a equipa médica, agradeceu pelo atendimento prestado aos militares e reuniu com a família de um soldado das forças especiais ferido no Afeganistão.

"O presidente permanece saudável e enérgico, sem queixas, como é demonstrado pelas repetidas e vigorosas presenças diante de milhares de americanos, várias vezes por semana", disse Grisham, sem fornecer detalhes sobre o exame ou os testes de laboratório que Trump realizou durante a sua nona visita ao centro médico.

A visita inesperada e não programada do presidente ao centro médico desencadeou questões dado que ocorreu meses antes do habitual calendário de realização anual do exame de saúde.

Também no Twitter, Stepanhie Grisham criticou as perguntas e classificou-as como irresponsáveis. "Parece ser muito mais divertido para as pessoas/alguns repórteres especularem e espalharem rumores irresponsáveis​​/perigosos", disse.

A Casa Branca normalmente determina quais os dados que serão públicos do exame de saúde do presidente. Não é obrigada a divulgar nenhuma informação. Em fevereiro, Trump foi declarado "em muito boa saúde" pelo médico da Casa Branca após horas de exames. Trump, conhecido por gostar de hambúrgueres e bifes bem passados e por uma aversão ao ginásio, ganhou peso em 2017, levando o seu índice de massa corporal para a categoria de obesos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG