Avião da Turkish Airlines aterra de emergência devido a ameaça de bomba por bilhete

A polícia vai submeter os passageiros a provas de caligrafia para apurar o autor da nota que levantou suspeitas

Um avião da Turkish Airlines que fazia a ligação entre Houston (EUA) e Istambul aterrou de emergência no aeroporto irlandês de Shannon devido a ameaça de bomba, informou o diário The Irish Times.

Os pilotos do Boeing 777-300 informaram a torre de controlo sobre o aparecimento de um bilhete que consideraram suspeito e solicitaram permissão para mudar o seu plano de voo.

O aeroporto de Shannon ativou um plano de emergência e retirou sem incidentes os 227 passageiros do aparelho, que foi deslocado para uma zona reservada das instalações aeroportuárias, onde foi examinado por especialistas em explosivos.

O voo TK-34 da companhia áerea turca tinha levantado voos às 4:07 (hora TMG) e deveria aterrar em Istambul às 3:45 (hora TMG).

Antes de aterrar na Irlanda, os pilotos esvaziaram grande parte dos tanques de combustível sobre o mar para garantir a segurança na aterragem.

Diversas ambulâncias e camiões de bombeiros foram enviados para o local de aterragem, tendo a guarda costeira sido também colocada de prevenção.

Alguns passageiros divulgaram fotografias do momento em que estavam a ser retirados do avião.

Os passageiros foram conduzidos em autocarros até ao terminal do aeroporto, onde a polícia os submeterá a provas de caligrafia para tentar apurar o autor da nota que levantou suspeitas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG