A primeira página do DN deste sábado

Leia já os títulos do jornal que encontra de manhã nas bancas.

Medina entrega o seu primeiro excedente semestral. Não acontecia desde o resultado de Centeno em 2019. É esta a manchete do DN.

Excedente trimestral, o sexto da história recente do país, foi decisivo para alcançar um saldo positivo no primeiro semestre, na ordem de 0,8% do PIB. Em 2022, e pela primeira vez em muitos anos - não acontecia desde 2011, o primeiro ano da troika -, o rácio do endividamento público deve voltar a ficar abaixo dos 120% do PIB, outro dos tetos máximos definidos no Pacto.

A foto de capa vai a reportagem: Gouveia e Melo e os robôs do mar. Portugal está na vanguarda da "guerrilha tecnológica"

Outros títulos

Decisão em 2023. Governo e PSD chegam a princípio de acordo sobre alternativas para novo aeroporto de Lisboa

Guerra. Rússia atrás de novas Crimeias com "referendos" na Ucrânia ocupada

Pedro Ginjeira do Nascimento: "O nosso sistema fiscal tem três pecados capitais: penaliza o sucesso, é muito caro e complexo"

E ainda

Hilary Mantel (1952-2022). Uma escritora nas catacumbas da História

Brunch com José de Bouza Serrano: "Em Portugal, 100 anos de república mataram oito séculos de monarquia, mas devemos muito aos nossos reis"

San Sebastián. O festival que reabilitou o cinema espanhol

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG