28 setembro 2018 às 19h42

Tribunal recusou suspender dragagens no Sado, mas ainda pode decretar providência

O Tribunal Administrativo e Fiscal (TAF) de Almada indeferiu o pedido do Clube da Arrábida para suspender as obras de alargamento e aprofundamento do canal de navegação e ampliação do porto de Setúbal, revelou hoje a administração portuária de Setúbal.

/img/placeholders/redacao-dn.png
Lusa
/img/placeholders/redacao-dn.png
Lusa