Estudante da Universidade da Beira Interior em Erasmus morre na Polónia

Uma estudante da Universidade da Beira Interior (UBI), que estava na Polónia no âmbito do programa Erasmus, foi encontrada morta em circunstâncias ainda por apurar, segundo informou, em nota de pesar, aquela universidade

DN/Lusa
© Arquivo/José Carmo/Global Imagens

Numa nota de pesar publicada no site da instituição, a UBI começa por manifestar "publicamente o seu pesar pela morte de uma aluna da academia" e informa que irá prestar o apoio necessário à família. Segundo acrescenta, o falecimento ocorreu na quinta-feira, 14 de outubro.

"A estudante do curso de Economia, de 20 anos, encontrava-se atualmente na Universidade de Tecnologia de Varsóvia, no âmbito do programa de mobilidade Erasmus", aponta. De acordo com o JN, a jovem era natural do concelho de Paços de Ferreira.

A UBI também esclarece que, de acordo com as informações transmitidas pela universidade local, "as circunstâncias do falecimento estão a ser investigadas pelas autoridades polacas".

Segundo afirmou a polícia local à PAP, a agência de notícias polaca, a jovem terá sido encontrada morta na varanda de um dos dormitórios da Universidade de Educação Física de Varsóvia. De acordo com a televisão pública polaca, a jovem terá tentado entrar num dos dormitórios da universidade para uma festa, mas terá caído.

"A UBI endereça os mais sentidos votos de pesar e condolências à família e amigos, tendo sido aprovado um voto de pesar pelo ocorrido, na reunião do Conselho Geral, realizada esta manhã", especifica.