Incêndio destrói único restaurante da Ilha Deserta em Faro

Incêndio não causou feridos. Testemunhas contam que ouviram várias explosões no Estaminé, que podem ter sido botijas de gás.

Um incêndio que deflagrou na noite de terça-feira na Ilha Deserta, em Faro, destruiu o único restaurante daquele local, o Estaminé, confirmou à agência Lusa o comandante da Zona Marítima do Sul, Fernando Rocha Pacheco.

De acordo com o comandante, as autoridades receberam o alerta pelas 23:00 de terça-feira e mobilizaram a Polícia Marítima e os Bombeiros Sapadores de Faro.

"O incêndio é visível até da parte de Olhão e de Faro, do lado de cá da Ria [Formosa]", descreveu o comandante, adiantando que o fogo é de "grandes dimensões" e que o restaurante "está a ser consumido" e já "não há nada a salvar".

O comandante Rocha Pacheco acrescentou que não houve feridos, uma vez que é "uma ilha deserta, em abstrato, não tem lá ninguém".

O proprietário do estabelecimento já foi contactado e os bombeiros estão a tentar "debelar as chamas.

De acordo com a TVI24, ocorreram várias explosões, que poderão ser botijas de gás. Uma testemunha contou em direto à TVI24 que viu uma "enorme bola de fogo" a destruir o restaurante.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG