Internacional
19 setembro 2022 às 07h28

Autoridades ucranianas acusam militares russos de bombardearem central nuclear

Operadora estatal de energia nuclear ucraniana Energoatom diz que "uma poderosa explosão ocorreu a apenas 300 metros dos reatores" da central de Pivdennonooukrainsk, no sul do país.

/img/placeholders/redacao-dn.png
DN/Lusa
/img/placeholders/redacao-dn.png
DN/Lusa