Internacional
30 março 2023 às 05h51

Nove soldados dos EUA morrem em colisão de helicópteros

A colisão de dois Black Hawk ocorreu durante uma "missão de treino de rotina" no sudoeste de Kentucky.

DN

Dois helicópteros Black Hawk do Exército dos EUA colidiram no condado de Trigg, no sudoeste de Kentucky, durante uma missão de treino na noite de quarta-feira, de acordo com as autoridades norte-americanas.

Depois de o exército ter num primeiro momento falado em "várias baixas", mas sem especificar o número de vítimas, um porta-voz de Fort Campbell, de onde levantaram voo as duas aeronaves, disse ao Washington Post que o acidente causou nove mortos, todos os que se encontravam a bordo das aeronaves - quatro numa e cinco noutra.

Num primeiro comunicado, a base militar de Fort Campbell havia dito que o estado em que se encontram os "membros da tripulação é desconhecida neste momento". "O comando está atualmente focado em cuidar dos militares e das suas famílias", lê-se na nota.

O acidente com os helicópteros da 101ª Divisão Aerotransportada aconteceu por volta das 22:00 (hora local) de quarta-feira no condado de Trigg, em Kentucky , a noroeste de Fort Campbell.

O governador de Kentucky , Andy Beshear, disse que é de esperar que haja vítimas mortais. "Recebemos algumas notícias difíceis de Fort Campbell, com relatos iniciais de um acidente de helicóptero e mortes esperadas", declarou no Twitter.

Afirmou que a polícia e os serviços de emergência estavam a responder ao sucedido. "Por favor, orem por todos os que foram afetados", escreveu Beshear nas redes sociais

Fort Campbell fez saber que o incidente está sob investigação. "Mais informações serão divulgadas assim que estiverem disponíveis", afirmou.