Premium Mais um navio da Marinha em fim de vida. Corveta João Roby vai ser abatida

Depois do reabastecedor Bérrio, agora é a corveta João Roby na lista de navios a abater. O Estado-Maior da Armada diz que "é urgente" a construção dos novos patrulhas oceânicos

Este ano é a segunda vez que o Estado-Maior da Armada confirma o abate de um navio. No final de janeiro, foi o grande navio reabastecedor Bérrio , agora é uma das duas únicas corvetas, ainda em missões de segurança e busca e salvamento, a ter os dias contados. Trata-se da NRP João Roby, ao serviço da Marinha desde 1975.

O porta-voz oficial do chefe do Estado-Maior da Armada (CEMA) adiantou ao DN que em relação a esta corveta se "prevê o início do processo de abate a curto prazo". A outra corveta ainda a navegar, a NRP António Enes, ao serviço desde 1971, está também "no limite do ciclo de vida", de acordo com a mesma fonte. A "esperança" de vida dos navios, acrescenta, "está nos 30/35 anos e estas corvetas já se aproximam dos 50".

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG