Exclusivo Merkel quer sair em 2021. Vai a pandemia mudar isso?

Chanceler disse que este mandato seria o último, mas é elogiada pela resposta ao coronavírus e a CDU ainda não tem novo líder.

A chanceler alemã, Angela Merkel, considera o coronavírus o maior desafio para a Alemanha desde a II Guerra Mundial. Um desafio que, a avaliar pelos níveis de popularidade (64%) e de aprovação (89% dos alemães defendem as medidas que tem tomado), Merkel tem sabido enfrentar na parte final do seu quarto mandato, que prometeu ser o último. Até o tabloide Bild, normalmente crítico, já perguntou: "Quinto mandato por causa do Corona?"

Merkel não parece contudo interessada em voltar atrás na decisão de não se candidatar às eleições de 2021, que anunciou em outubro de 2018. Essa hipótese foi ficando cada vez mais longe após a chanceler ter sido várias vezes vista a tremer descontroladamente em público no ano passado, recuperando sempre e dizendo estar bem.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG