Premium Nicola Dutto, o primeiro paraplégico a conduzir uma moto no Dakar

Piloto era uma figura consagrada e titulada do todo-o-terreno quando um acidente, em 2010, lhe causou lesões gravíssimas. "Nada me assusta", garante o italiano que terá uma moto especial e a ajuda de "pilotos fantasma" no maior rali do mundo.

Nicola Dutto, de 48 anos, vai participar este ano pela primeira vez no rali Dakar, mas não é "só mais um" a tentar a sempre difícil tarefa de completar a clássica prova, cuja edição de 2019, a 41.ª, vai de 7 a 17 de janeiro, no Peru. O piloto italiano, natural de Turim, vai fazer história ao ser o primeiro paraplégico a competir numa moto.

Durante a primeira década do ano 2000, Nicola Dutto somou títulos atrás de títulos. Começou a correr em Espanha, sagrando-se campeão a conduzir em todo-o-terreno, nas chamadas Bajas, em 2004 e 2006. Depois do sucesso em solo espanhol, uma grande marca convidou-o a competir no seu país natal, onde se sagrou também campeão, em 2008 e 2009. A estes dois títulos em Itália somou também dois Campeonatos da Europa de Baja, sendo então um dos mais proeminentes pilotos da categoria no Velho Continente.

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG