Toyota Corolla é o Carro do Ano 2020 em Portugal

No ano em que entram em vigor novas e pesadas regras para a emissão de gases com efeitos de estufa na Europa, o Carro do Ano 2020 é um híbrido. O Toyota ​​​​​​​Corolla venceu prémio principal e a classe de Híbrido do Ano.

Depois de quatro meses de testes e entre os 28 modelos a concurso, o júri, composto por 19 jornalistas em representação de alguns dos mais importantes meios de comunicação social portugueses - entre os quais o Diário de Notícias - escolheu o Toyota Corolla.

O Corolla, que marca o regresso da marca japonesa a esta iniciativa do Expresso e da SIC Noticias, é assim o grande vencedor da 37ª edição deste prémio. Na ronda de votação final, o familiar japonês deixou para trás os outros seis finalistas: BMW Série 1, Kia XCeed, Mazda 3, Opel Corsa, Peugeot 208 e Skoda Scala.

2020 ficará registado como o ano em que as regras de emissões mudaram de forma radical. Na União Europeia - num movimento que é acompanhado por outras regiões do globo -, a partir de 1 de janeiro de 2020 é a doer, cada construtor automóvel terá que alcançar uma média na ordem dos 95 gramas de emissões de CO2 por quilómetro (NEDC, proporcional ao volume de veículos comercializados) para 95% das unidades matriculadas na Europa.

Serão atribuídos os denominados "supercréditos" a cada veículo 100% elétrico ou PHEV vendido, e às eco inovações destinadas a reduzir os volumes de emissões de CO2 em condições reais de utilização. São estes incentivos que explicam, em boa medida, a aposta de quase todas as marcas em veículos elétricos ou híbridos plug-in lançados no mercado durante a última metade do ano passado. Isso e a ameaça de penalização. Se os objetivos definidos em legislação comunitária não forem cumpridos, haverá lugar ao pagamento de uma multa de 95 euros por grama/km/veículo. Legislações semelhantes irão, também, entrar em vigor na China e outros países asiáticos, e na América Latina.

Perante este cenário, a comissão organizadora do Essilor Carro do Ano/Troféu Volante de Cristal 2020 decidiu acompanhar a tendência do mercado, criando duas classes distintas para automóveis elétricos e híbridos, contribuindo, desta forma, para que o tema da ecologia e as novas formas de mobilidade fossem debatidas pelos membros do júri. Numa altura em que os automóveis eletrificados ganham preponderância, fruto das novas regras antipoluição, o júri acabou por escolher, como grande vencedor, um automóvel híbrido.

A marca japonesa tem uma experiência de mais de 20 anos na área dos automóveis híbridos - foi quem lançou a moda, com o Prius, em 1997. Uma aposta que tem sido gradualmente bem recebida pelo mercado. Em 2019, mais de 52% das vendas da Toyota foram de veículos electrificados.

A vitória do Corolla assinala o regresso da marca japonesa ao Essilor Carro do ano, depois de alguns anos de ausência. Na votação final, os jurados valorizaram o design exterior e interior, a qualidade de construção, o facto deste modelo ter uma gama completa - Hatchback, Sedan e Touring - a componente tecnológica e as sensações dinâmicas. O Toyota Corolla é desta forma o sucessor do Peugeot 508 como Carro do Ano em Portugal.

VENCEDORES DAS CLASSES DO CARRO DO ANO

· Citadino do Ano - Peugeot 208 GT Line 1.2 Puretech 130 EAT8

· Desportivo do Ano - BMW 840d xDrive Cabrio

· Familiar do Ano - Skoda Scala 1.0 TSi 116cv Style DSG

· Grande SUV do Ano - SEAT Tarraco 2.0 TDi 150cv Xcellence

· SUV Compacto do ano - Kia XCeed 1.4 TGDi Tech

· Elétrico do Ano - Hyundai Ioniq EV

· Híbrido do Ano - Toyota Corolla Hatchback 1.8 Hybrid Exclusive

Prémio Tecnologia e Inovação

O vencedor da edição deste ano vai para a tecnologia Skyactiv-X da Mazda. Tecnicamente, o motor Skyactiv-X destaca-se pela introdução do sistema SPCCI (ignição por compressão controlada por faísca) que permite que o bloco a gasolina consiga efetuar ignição por compressão, como se fosse um motor Diesel. A intenção dos engenheiros da marca é aumentar a eficiência reduzindo os consumos e as emissões de CO2 e NOX.

PERSONALIDADE DO ANO

José Ramos, Presidente e CEO da Toyota Caetano Portugal

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG