Duas em cada três sardinhas em Portugal foram importadas

As importações de sardinha cresceram a um ritmo médio anual de 11,6% em quantidade e 15,9% em valor. Espanha e Marrocos são os principais fornecedores

O aumento de importação de sardinha fresca e congelada cresceu a um ritmo equivalente à diminuição do pescado descarregado nos portos nacionais. Os dados do INE mostram que, em 2015, foram transacionadas em lota 13.729 toneladas deste peixe tão apreciado, sendo este o valor mais baixo desde que existem registos estatísticos sistemáticos por espécie.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG