Carlos Moedas: Lisboa é a cidade dos sonhos e dos unicórnios

Para Carlos Moedas, o papel de Lisboa é conseguir ir para além da Web Summit e captar algumas das empresas que estão presentes no evento.

O novo presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Carlos Moedas, apelou à permanência das empresas que vieram à Web Summit. Porque a capital portuguesa tem uma característica única. A de pretender ser uma fábrica de unicórnios. Uma cidade que ajuda as empresas a dar vida aos seus negócios, a dar vida aos detalhes tão necessários aos negócios.

E sobre isso lembrou a história de Steve Jobs. Quando tinha nove anos o pai pediu-lhe para pintar a cerca que rodeava a casa. algo que Steve fez, deixando apenas uma parte, que não era visível por ninguém. Ao que o pai o admoestou dizendo que sim, ele saberia. E que os inventores, os verdadeiros inovadores prestavam atenção ao detalhe. Uma frase que lhe ficou na mente e mais tarde aplicou, aquando do primeiro Mac. Steve Jobs "obrigou" os engenheiros a terem uma máquina com um interior limpo.

Carlos Moedas usou este exemplo para demonstrar que, "se queremos mudar o mundo temos de sonhar, inspirar as pessoas e ser muito bom nos detalhes".

Quanto ao Web Summit é um evento que Carlos Moedas segue desde o início e, segundo ele, um local onde pessoas que gostam de detalhes se juntam. Mas, o papel dele (e de Portugal) é ir para além do Web Summit. É fazer "com que as vossas empresas fiquem em Lisboa". Porque na capital portuguesa "ensinamos os detalhes e permitimos que as pessoas transformem as suas ideias em negócios".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG