Seleção italiana troca o azul pelo verde

O novo equipamento será utilizado no sábado frente à Grécia e é uma réplica daquele que foi utilizado numa vitória frente à Argentina em 1954.

A seleção de Itália surpreendeu o mundo ao apresentar um equipamento verde, que irá substituir o habitual azul, que se tornou a sua imagem de marca, ao ponto de ser conhecida como squadra azzurra (equipa azul).

Esta decisão surpreendente prende-se com a ideia marcar uma nova era, celebrando o talento jovem que está a começar a integrar a equipa nacional italiana, que está numa fase de rejuvenescimento, na tentativa de acabar com uma crise que vem afetando a seleção quatro vezes campeã do mundo.

Este novo kit de equipamento dá pelo nome de Renascença e é a recuperação de um equipamento utilizado uma única vez na história da seleção italiana, precisamente em dezembro de 1954 numa vitória frente à Argentina por 2-0, num jogo realizado no Estádio Olímpico de Roma. Após esse jogo, as seleções jovens passaram a utilizar esse equipamento verde, enquanto a equipa sénior passou a ser a única a ter o privilégio de jogar de azul.

A estreia do verde está marcado para o próximo sábado, quando a Itália receber a Grécia, precisamente no Olímpico, em jogo de apuramento para o Euro 2020. Os detalhes da nova camisola são inspirados no período da Renascença e representam a celebração do passado, do presente e do futuro.

Exclusivos