Os milhões que a Juventus já encaixou com Ronaldo. Das camisolas aos patrocínios

Na época passada, o clube de Turim vendeu 1,315 milhões de camisolas e encaixou 170 milhões de euros. Os contratos de patrocínio e publicidade cresceram para 108,8 milhões.

Cristiano Ronaldo assinou pela Juventus no verão de 2018 e pouco mais de um ano depois da sua chegada começam a ser feitos os primeiros estudos sobre o impacto económico da sua contratação nas contas do clube italiano. De acordo com o jornal Gazzeta dello Sport, que cita precisamente um desses estudos, a equipa de Turim vendeu na época passada 1,315 milhões de camisolas, existiu um aumento considerável nas receitas de bilheteira e também nos contratos de publicidade e patrocínio, assim como no número de seguidores.

As 1,315 milhões de camisolas vendidas desde a chegada de Ronaldo, com cada uma com um custo de 130 euros, permitiram à Juventus um encaixe de 170 milhões de euros. Neste valor, contudo, é preciso deduzir os custos de produção e distribuição, mas não deixa de ser uma receita considerável.

Mas há mais fatores positivos. Por exemplo, as receitas de publicidade e patrocínios cresceram de 86,8 milhões de euros para 108,8 milhões em relação ao exercício anterior. Outro aspeto que aumentou consideravelmente foi o número de seguidores do clube, que aumentou 38 milhões e cresceu para os 423 milhões.

É abusivo, contudo, dizer que a transferência de Ronaldo já está paga em pouco mais de um ano, pois os custos da operação foram muito elevados. A Juventus pagou um total de 112 milhões de euros ao Real Madrid no verão de 2018 pela contratação de CR7. Mas do exercício de contas da época 2017-18 para a temporada passada aumentou em 68 milhões de euros os custos com pessoal, sendo 54,24 milhões dizem respeito ao salário bruto de Ronaldo. Também na rubrica relacionada com a amortização dos direitos de rendimento desportivo dos jogadores existiu um aumento de custos.

Curioso é que, mesmo tendo aumentado as vendas de camisolas com a chegada de Cristiano Ronaldo, a Juventus está apenas no 10.º lugar do ranking dos clubes que mais receitas recebem com vendas de camisolas. O primeiro posto é ocupado pelo Manchester United (4.950 milhões), seguido do Liverpool (3.943) e Bayern Munique (3.475).