Jorge Jesus diz que o Flamengo não tem rival e é acusado de ser "arrogante"

Comentador não poupou nas críticas ao técnico português, que na quarta-feira à noite se apurou para a final do campeonato estadual carioca.

Será que o estado de graça de Jesus no Brasil chegou ao fim? O treinador português está a ser muito criticado pelas declarações que fez após se qualificar para a final do campeonato estadual do Rio de Janeiro. "Vê alguma equipa no Brasil a jogar como o Flamengo fez nestes 60 minutos e só tem três jogos? Nenhuma. Nenhuma. Não quer dizer que não possa aparecer, mas até agora, nenhuma (...) Para o nosso adversário era muito importante chegar à final, poder ganhar o título carioca, mas nós estamos noutro patamar, os nossos títulos são outros", disse o técnico do mengão, entre críticas à arbitragem.

O português desvalorizou ainda a questão do desgaste dos jogos de três em três dias e das viagens e acusou os adversário de copiarem os seus métodos: "Já no ano passado mostrei que isso é tudo treta, tudo conversa. É preciso saber fazer as coisas e já há muitas equipas a copiarem o que o Flamengo faz."

Jesus não escapou à crítica e fúria de alguns comentadores que o acusam de arrogância e sobranceria. Na FOX Sports Brasil, Fábio Sormani, por exemplo, não poupou o treinador português. "Eu lamento muito e fico muito desapontado de ver o Jorge Jesus fazer declarações desse tipo. Eu quero ver a hora em que o Flamengo começar a perder e a hora vai chegar. O que ele vai dizer? O golo do Fluminense foi legal, se ele desconhece as regras então que vá para a escola aprender", atirou o comentador.

Para Fábio Sormani "é verdade" que o Flamengo está em outro patamar, mas não é preciso "espezinhar" os outros. "O patamar do Flamengo pelo dinheiro investido é para ganhar a Libertadores, o Brasileirão e voltar ao Mundial e tentar ser campeão. O patamar do Fluminense é outro, não entra no Brasileirão para ser campeão e nem na Libertadores está, mas o respeito é bom e as pessoas merecem ser respeitadas. Fazer uma declaração deste tipo é de uma arrogância e de uma soberba desnecessária, até porque está todo o mundo elogiando o trabalho do Jorge Jesus. O que ele está a fazer é dar tiro no pé e colocar as pessoas contra ele. Porquê isso? Para quê diminuir o outro?", questionou o comentador, confessando-se dececionado com o técnico do Fla.

Mas também há quem o tenha defendido."O homem disse alguma mentira?", questionou José Eduardo Savóia, também ele comentador da Fox Sports. "Nós cansamo-nos de dizer que o Flamengo é outro patamar. Não acho que ele tenha humilhado o Fluminense. Hoje o Flamengo é melhor do que todos os outros. Qual é o problema de ele dizer que o Flamengo está em outro patamar... está mesmo", defendeu o comentador.

Flamengo na final da Taça Guanabara

O Flamengo qualificou-se para a final do campeonato estadual do Rio de Janeiro ao vencer na receção ao Fluminense, por 3-2, num jogo da meia-final que esteve a vencer por 3-0. O campeão brasileiro e sul-americano iniciou a competição com jogadores da formação e sem o treinador português e terminou o Grupo A no segundo lugar, com os mesmos 13 pontos do Boavista, e disputou uma vaga no encontro decisivo com o rival Fluminense, vencedor da poule B.

Bruno Henrique, logo aos três minutos, e Gabriel Barbosa, aos nove, deram vantagem ao mengão na primeira parte, tendo o lateral esquerdo Filipe Luís ampliado a diferença, aos 50', até que Luccas Claro e Evanilson, aos 61' e 71', respetivamente, reduziram para o clube tricolor.

Durante o jogo Jesus tirou Gerso de campo para dar lugar ao ex-FC Porto, Diego, mas o jogador não gostou e mostrou o seu desagrado.

O Flamengo, que conquistou esta Taça Guanabara em 33 ocasiões, incluindo no ano passado, vai disputar a final, no dia 22 de fevereiro, frente ao vencedor do embate entre Boavista e Volta Redonda, que está marcado para domingo.

Antes disso há mais troféus que o português pode ganhar. Jorge Jesus pode conquistar 3 competições em dez dias. No domingo a equipa carioca defronta o Athlético Paranaense na Supertaça do Brasil. Depois, na quarta-feira joga com o Independiente del Valle no Equador, na 1.ª mão da final da Recopa Sul-Americana (duelo entre o vencedor da Libertadores e da Taça Sul-Americana). Segue-se a final da Taça Guanabara, dia 22 e a segunda mão da Recopa no dia 26.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG