João Félix assume o desejo de vencer a Champions e a Bola de Ouro

O avançado do Atlético de Madrid assumiu em entrevista à Marca assumiu que está entusiasmado com a Liga dos Campeões em Lisboa e sonha com uma final frente ao Manchester City de Bernardo Silva

João Félix entra esta quinta-feira em ação na final a oito da Liga dos Campeões, que se realiza em Lisboa. O internacional português é uma das armas do Atlético de Madrid para o jogo marcado para o Estádio José Alvalade frente aos alemães do RB Leipzig, onde estará em jogo um lugar nas meias-finais. Em entrevista ao diário espanhol Marca, o avançado admitiu que "a Champions é o ponto alto de qualquer jogador, ainda mais sendo em Lisboa", que considera a sua casa.

O jogador de 20 anos assumiu que os seus objetivos de carreira são ganhar a Liga dos Campeões e conquistar a Bola de Ouro. "Digo claramente o que pretendo", frisou, mostrando-se para já satisfeito pelo facto de se ter tornado o jogador mais jovem a marcar um golo pelo Atlético de Madrid, superando o argentino Kun Agüero. "Trata-se de um grandíssimo jogador, mas quando este jogou no Atletico eu tinha apenas cinco ano e, por isso, não me lembro de nada. É bom bater recordes e fico feliz por fazer parte da história do clube", assumiu.

Os 126 milhões de euros que custou a sua contratação ao Benfica não são um peso para João Félix, que só pensa em jogar e divertir-se em campo. Uma coisa é certa: apesar de alguns altos e baixos ao longo da época, o avançado português garante estar disponível para "fazer aquilo que o treinador Diego Simeone" lhe pede.

Foi precisamente em Lisboa, no Estádio da Luz, que o Atlético de Madrid perdeu uma final da Liga dos Campeões a três minutos do final frente ao Real Madrid, algo que João Félix quer está consciente e pretende ajudar a retificar. "Os adeptos, os jogadores e as pessoas querem muito a Champions porque estiveram muito próximo de conquistá-la e não conseguiram. Estamos conscientes de que podemos consegui-la agora", sublinhou.

A finalizar, João Félix admitiu ao jornal Marca que "gostaria muito" de encontrar na final o Manchester City de Bernardo Silva, outro dos produtos da formação do Benfica.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG