Sérgio Conceição: "Assobios? Tenho de ouvir e calar"

Treinador portista fez esta sexta-feira a antevisão do jogo deste sábado (21.30) ao Vitória de Setúbal, a contar para a 2.ª jornada da I Liga

Sérgio Conceição desvalorizou os assobios dos adeptos durante e depois do jogo de terça-feira com o FC Krasnodar, que ditou a eliminação do FC Porto na Liga dos Campeões.

"Faz parte da exigência do clube, da paixão dos adeptos, são eles a alma do clube, que fazem com que os clubes vivam. Tenho que ouvir e calar. Obviamente não sorrio quando me assobiam, mas também não fico eufórico quando ouço palmas. Ouço, vejo, estou atento, mas não interfere no meu trabalho e na vontade que tenho de vencer", frisou esta sexta-feira o técnico portista, em conferência de imprensa.

O treinador dos azuis e brancos considera que este "é um momento menos bom, e que é natural" e elogiou a presença de Pinto da Costa no treino desta quinta-feira. "Pinto da Costa, muito bem, com muita qualidade. É um líder, ficamos contentes de saber que ele vem cá. Às vezes ele vem cá noutras altura e vocês nem veem, mas nada a acrescentar, não é de estranhar, é uma situação completamente normal dos dragões estarem juntos, verdadeiramente juntos. Vamos sair deste momento difícil e conquistar títulos, é para isso que trabalhamos", disse aos jornalistas.

Sérgio Conceição diz que esta sexta-feira encontrou "um grupo com boa saúde mental para fazer aquilo que adoram fazer" e "em termos de espírito uma vontade enorme de dar a volta a este momento menos positivo, que é um momento, e prontos para o que vem amanhã [sábado]".

Sobre o Vitória de Setúbal, adversário deste sábado (21.30), destaca a consistência defensiva dos sadinos. "Vamos encontrar o V. Setúbal, que nos jogos que fez este ano deu continuidade ao que fez no final da última época. Nos últimos sete jogos perdeu apenas duas vezes fora. Este ano ganhou um e empatou outro, sem sofrer golos", realçou.

Acerca da alegada queda de forma de Marega, Conceição diz que isso "nem é um tema". "Está completamente esclarecido esse assunto. Ainda não vi nenhum problema, controlamos todos os dias, faz parte daquilo que sou como treinador, controlamos o peso e o que envolve o estado físico", acrescentou.

Exclusivos