Reino Unido. Nem a estreia de Ronaldo na Juve quebrou 'blackout' das TVs

ATUALIZADA. A regra imposta impede a transmissão em direto de eventos desportivos ao sábado, entre as 14:45 e as 17:15. Houve pressão, mas a Eleven Sports não mudou de política

A estreia de Cristiano Ronaldo pela Juventus na liga italiana, este sábado, esteve em vias de quebrar uma regra com meio século que proíbe a transmissão de jogos de futebol ao vivo durante as 14:45 e as 17:15, aos sábados, em Inglaterra e na Escócia. Mas o operador com os direitos de transmissão para estas regiões não sucumbiu à pressão para que as imagens fossem para o ar.

A regra foi imposta na década de 60, quando havia a preocupação de que a transmissão televisiva de desportos levasse a que menos pessoas comprassem bilhetes para assistir aos jogos nos estádios, uma diretiva que ainda é respeitada pela maioria das cadeias televisivas no Reino Unido, que não transmitem futebol profissional e encontros estrangeiros durante este período.

A notícia foi avançada pela Bloomberg, que confirmou depois a intenção da Eleven Sports britânica em não transmitir o jogo, optando por preencher o tempo com comentário e análise da partida.

Um 'blackout' que, ainda segundo a Bloomberg, afetou inclusivamente o Facebook, que tem um acordo de transmissão por streaming dos jogos da Eleven Sports mas que terá bloqueado o sinal para partes do Reino Unido.

A Juventus disputa o primeiro jogo da liga italiana com o A. C. Chievo Verona, a partir das 17:00 - hora de Portugal continental e também do Reino Unido -, sendo um dos poucos jogos que não vai ser adiado depois do colapso de uma ponte em Génova, na terça-feira.

(Notícia atualizada sábado, 18 de agosto)

Ler mais

Exclusivos

Premium

Nuno Artur Silva

Notícias da frente da guerra

Passaram cem anos do fim da Primeira Guerra Mundial. Foi a data do Armistício assinado entre os Aliados e o Império Alemão e do cessar-fogo na Frente Ocidental. As hostilidades continuaram ainda em outras regiões. Duas décadas depois, começava a Segunda Guerra Mundial, "um conflito militar global (...) Marcado por um número significativo de ataques contra civis, incluindo o Holocausto e a única vez em que armas nucleares foram utilizadas em combate, foi o conflito mais letal da história da humanidade, resultando entre 50 e mais de 70 milhões de mortes" (Wikipédia).

Premium

nuno camarneiro

Uma aldeia no centro da cidade

Os vizinhos conhecem-se pelos nomes, cultivam hortas e jardins comunitários, trocam móveis a que já não dão uso, organizam almoços, jogos de futebol e até magustos, como aconteceu no sábado passado. Não estou a descrever uma aldeia do Minho ou da Beira Baixa, tampouco uma comunidade hippie perdida na serra da Lousã, tudo isto acontece em plena Lisboa, numa rua com escadinhas que pertence ao Bairro dos Anjos.