Jorge Jesus: "Quero mostrar o meu valor no maior clube do Brasil"

O treinador português foi apresentado como novo treinador do Flamengo e deixou elogios ao seu novo clube e à qualidade dos jogadores brasileiros.

Jorge Jesus foi nesta segunda-feira apresentado como novo treinador do Flamengo, numa conferência de imprensa em que, antes de responder a várias perguntas, garantiu querer "apresentar trabalho" no seu novo clube.

"O meu passado como treinador está escrito, está feito. Sou o treinador em Portugal que mais títulos ganhou e quero mostrar no maior clube do Brasil o meu valor. Onde chego apresento trabalho. Não venho revolucionar nada. Vou apresentar o meu trabalho, que foi visto em duas das três maiores equipas de Portugal nos últimos dez anos. Quando cheguei ao Benfica, o clube não ganhava nada há algum tempo e agora tem a hegemonia no país. É o que vim fazer no Flamengo", assumiu.

Jesus afirmou que pretende aproveitar a paragem no campeonato brasileiro devido à realização da Copa América para começar a incutir os seus métodos na equipa. "Temos 20 dias para trabalhar e vamos apresentar uma proposta aos jogadores, explicar-lhes as nossas ideias", adiantou, elogiando depois os jogadores brasileiros que considera serem "ótimos profissionais com muito talento".

"Quero partilhar com eles o nosso trabalho. Queremos melhorar os resultados mas também a qualidade de jogo do Flamengo. No jogo com o Fluminense, vi uma equipa do Flamengo um pouco ansiosa mas isso é normal, pois está numa tentativa de recuperação pontual", referiu, deixando a certeza que tem ideias claras para a equipa que quer montar: "Tenho um conceito e ideia de jogo. Vou implementar algumas variantes no jogo da equipa mas não vou fugir muito. Vamos atuar com um primeiro e um segundo avançado."

O treinador português deixou bem claro que está bem identificado com o futebol brasileiro, assumindo que o campeonato "é muito competitivo e muito difícil". "Vejo todos os jogos do futebol brasileiro em minha casa sem saber que iria treinar o Flamengo. Sinto nas pessoas do Flamengo uma paixão e uma vontade muito grande em ajudar qualquer técnico", sublinhou, deixando a garantia que "quem joga no Flamengo tem de perceber que ganhar só não chega, é preciso mais do que vencer".

Questionado sobre as razões pelas quais apenas assinou contrato válido por um ano, Jorge Jesus garantiu que tem tudo a ver com uma questão de adaptação. "Na Arábia Saudita também assinei apenas por um ano, apesar de eles terem proposto quatro. Há aqui uma questão de adaptação, porque eu preciso de me adaptar. E no final desse ano se todos estivermos contentes, continuamos", adiantou.

Ler mais

Exclusivos