Jogada de João Félix encantou os espanhóis

"Uma bomba" e um jogador "destinado a marcar uma era". Estes são alguns elogios à primeira aparição do avançado português na Liga espanhola, que assinou um lance que já é considerado o melhor do novo estádio do Atlético de Madrid.

"João Félix é uma bomba." É assim que a edição online do jornal Marca resume a atuação do jogador português durante os 66 minutos na estreia na Liga espanhola, em que o Atlético de Madrid venceu o Getafe, no estádio Wanda Metropolitano, por 1-0.

O diário desportivo espanhol destaca o golo de Morata que valeu três pontos, mas garante que "quem vale milhões é João Félix, que deixou uma jogada para mais tarde recordar, antes de ser substituído por lesão". O avançado arrancou a mais de 60 metros da baliza deixou três adversários para trás e só foi travado em falta dentro da grande área, num penálti que Morata acabaria por falhar.

"Aquela jogada, uma das melhores, se não a melhor neste novo estádio, merecia que fosse o próprio João Félix a marcar o penálti", acrescentou a Marca.

Ao jeito dos filmes de 007, o jornal La Razón titula: "Chama-se João, João Félix." O diário generalista assume que o português "chegou ao altar" com "a jogada da partida e, quem sabe, da temporada", que depois de descrever o lance que resultou em penálti, a que chama de "jogada maradoniana", diz que os 126 milhões pela sua contratação "pode até acabar por ser barato".

O jornal AS garante que a lesão do avançado não inspira cuidados, tratando-se apenas de dores musculares, e destaca que "a qualidade futebolística de João Félix já foi confirmada nos dois meses que leva como jogador do Atlético e já ninguém discute os 126 milhões de euros que custou a sua contratação. Está destinado a ser um jogador de uma era".

Quem fez questão de assinalar a estreia de João Félix na Liga foi Paulo Futre, um dos maiores jogadores da história do Atlético, que antes do jogo tinha lançado ao avançado o desafio de superar a sua estreia através da sua conta Twitter e acabou, após a partida, de lançar uma pergunta aos adeptos colchoneros: "Vitória importantíssima para começar a temporada e creio que essa grande jogada supera o desafio. Que me dizem? Oxalá a lesão não seja nada miúdo, muita força."

No final da partida, os primeiros elogios vieram através de Morata, marcador do golo que desperdiçou depois o penálti conquistado pelo português. "João Félix pode converter-se num dos melhores e em um símbolo do Atlético", disse, assumindo que a jogada que protagonizou "foi um espetáculo", uma jogada "de um jogador de nível mundial".

Já o treinador Diego Simeone lembrou que "num jogo em Félix que não teve espaço, mostrou numa ação individual o poderio que tem", mostrando-se confiante que com o tempo "essas situações vão aparecer com mais continuidade".