FC Porto é punido pela FIFA por partilha de passes e recebe aviso por informações falsas

O organismo multou os dragões em 44 mil euros por permitir a influência de uma terceira parte em transferências

O FC Porto foi punido esta quinta-feira pela FIFA em 44 mil euros porque, segundo um comunicado daquela organização, permitiu a influência de fundos de investimento em transferências de jogadores, violando assim a regra que impede a participação de uma terceira entidade (além dos clubes envolvidos) nesses negócios.

Além desta pena, a FIFA declarou ainda culpados os dragões por terem introduzido informações falsas no sistema digital que regula e reune todas as transferências internacionais, denominada de Transfer Matching System (TMS). Por causa desta violação do artigo 4, alínea 2, do anexo 3 do Regulamento de sobre o Status e Transferência de Jogadores, o FC Porto recebeu um aviso de acordo com o Código de Disciplina da FIFA.

Estas decisões, segundo o comunicado, foram abertas na sequência de investigações conduzidas pela FIFA TMS, tendo o FC Porto já sido notificado destas decisões. Cuntudo, o organismo que superintende o futebol mundial não revelou quais as transferências que estão em causa.

Exclusivos