Dragões vencem Casa Pia e estão a um empate da final four

O primeiro golo da carreira de Saravia abriu o caminho a uma vitória tranquila do FC Porto em casa dos casapianos, por 3-0. Agora basta um empate em Chaves para garantir o apuramento.

O FC Porto venceu esta quinta-feira o Casa Pia, no Estádio Pina Manique, por 3-0, em jogo da 2.ª jornada do grupo D da Taça da Liga, um resultado que permite aos dragões igualarem o Desp. Chaves na liderança com seis pontos. Ou seja, estas duas equipas vão discutir o apuramento para a final four no dia 22 de dezembro, em Trás-os-Montes.

Os dragões precisam apenas de empatar em Chaves para garantir o apuramento, uma vez que têm vantagem na diferença entre golos marcados o sofridos, contabilizando três, contra os dois dos flavienses.

Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, aproveitou este jogo para fazer dez alterações no onze, lançando Renzo Saravia e Mateus Uribe, que ainda não tinham jogado desde que estiveram sob alçada disciplinar devido à festa de aniversário da mulher do médio colombiano.

A primeira parte foi completamente dominada pelos dragões, que foram criando várias situações junto da baliza do Casa Pia, mas sem o acerto necessário na hora do remate. Soares dispôs da primeira grande oportunidade para marcar aos 31 minutos, quando se isolou a passe de Luis Díaz, mas rematou ao lado, de forma incrível.

Pouco depois foi o jovem guarda-redes Van der Laan, que se estreou em competições seniores depois de ter sido formado no Sporting, a evitar que Bruno Costa abrisse o marcador. Os casapianos, que ocupam o penúltimo lugar da II Liga, tinham poucas possibilidades de sair com perigo no contra-ataque e o primeiro remate que fizeram enquadrado com a baliza portista foi mesmo no final do primeiro tempo, com o remate de Wilson Kenidy a ser defendido sem dificuldade por Diogo Costa.

A segunda parte começou praticamente com o primeiro golo do FC Porto, marcado por Saravia, de cabeça, aproveitando uma saída em falso do guarda-redes do Casa Pia, num lance "inventado" por um grande passe de Sérgio Oliveira. Refira-se que o defesa-direito argentino fez, aos 26 anos, o seu primeiro golo enquanto futebolista sénior.

Aos 69 minutos, foi a vez de outro jogador que esteve castigado por causa da festa em casa de Uribe, aumentar a vantagem portista. Luis Díaz rematou cruzado sem hipóteses de defesa para Van der Laan. Não demorou muito para que Soares fizesse o terceiro, concluindo facilmente uma jogada envolvente do ataque portista.

Nakajima ainda atirou uma bola ao poste, numa altura em que a equipa de Sérgio Conceição já estava em gestão, afinal o objetivo estava garantido e domingo há jogo no Jamor, com o Belenenses SAD.

VEJA OS MELHORES MOMENTOS DA PARTIDA:

FICHA DO JOGO

Estádio Pina Manique, em Lisboa
Árbitro: Vítor Ferreira (Braga)

Casa Pia - Van der Laan; David Rosa, Pedro Machado, Caio Marcelo, Bruno Simão; Jean Víctor, Kikas (Sávio Roberto, 78'), Rodrigo Dantas; Sountoura (Jeka, 66'), Evandro Roncatto, Wilson Kenidy (Jorge Ribeiro, 75')
Treinador: Rui Duarte

FC Porto - Diego Costa; Renzo Saravia, Mbemba, Diogo Leite, Wilson Manafá (Tomás Esteves, 75'); Bruno Costa (Fábio Silva, 75'), Sérgio Oliveira, Mateus Uribe; Luis Díaz (Jesús Corona, 70'), Soares, Nakajima
Treinador: Sérgio Conceição

Golos: 0-1, Renzo Saravia (50'); 0-2, Luis Díaz (69'); 0-3, Soares (72')

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG