Conceição. A reflexão ao tempo de jogo útil em Portugal e a vantagem do Benfica

"Em muitos jogos joga-se menos do que 45 minutos. É incrível, mas é verdade", disse no lançamento da partida deste domingo com o Desp. Aves.

Sérgio Conceição lançou neste sábado o jogo de amanhã frente ao Desportivo das Aves, numa conferência de imprensa onde falou da polémica em torno do tempo de jogo útil, das arbitragens, da sua exaltação após o empate na Madeira a meio da semana, assim como da situação de Marega, que tem estado ausentes dos convocados. Aqui ficam as partes mais importantes do discurso do treinador portista.

A vantagem do caléndário do Benfica

"Nós e o Sporting vamos jogar contra equipas que não fizeram a chamada 'tripla' e um dos nossos rivais vai jogar pela segunda vez em casa. O Benfica com o Rio Ave. Em termos de calendário, penso que não é o apropriado. Mas isso, depois de começar o jogo, e na preparação não interfere minimamente no nosso trabalho

O Desportivo das Aves

"Vamos jogar com uma equipa que não fez uma jornada tripla esta semana e, curiosamente, um dos nossos rivais, o Benfica, vai voltar a jogar em casa. Como se sabe, o Desportivo das Aves-Tondela da jornada anterior foi antecipado. Isso não interfere minimamente com o nosso trabalho. O Aves mudou recentemente de treinador, apresentou alguns jogadores diferentes e um sistema diferente. É uma equipa que anda à procura de pontos e vai fazer tudo para pontuar no Dragão. Temos de montar a melhor estratégia para vencer este jogo. Como treinador do FC Porto, cabe-me montar uma estratégia para marcar golos e não sofrer, mas estamos preparados para tudo."

O empate na Madeira

"Aquilo que aconteceu no último jogo já foi dissecado por nós. O meu sentimento é exatamente o mesmo, mas as palavras não saíram da forma que eu gostava que tivessem saído. Em relação aos adeptos, antes de ser treinador, sou adepto do FC Porto. Os adeptos são absolutamente essenciais para o sucesso do clube e são eles a grandeza deste clube. Sinto desde que que cheguei que, no Estádio do Dragão, sou muito acarinhado e apoiado pelos adeptos."

O tempo útil de jogo em Portugal

"No ano passado, numa reunião de treinadores, um dos assuntos debatidos foi o tempo útil de jogo. Houve algumas discordâncias. Alguns treinadores achavam que o estado do terreno era o mais importante, outros a arbitragem, e outros assumiam que era uma estratégia para travar a dinâmica do adversário. As pessoas pagam para assistirem a bons espetáculos. São vários fatores que fazem com que a Liga portuguesa seja das que tem menos tempo útil de jogo em toda a Europa. Em muitos jogos joga-se menos do que 45 minutos. É incrível, mas é verdade. É uma reflexão que se deve ter. O relvado do Dragão não está top, mas melhor do que o da Madeira deve estar de certeza."

O tempo de paragem de Sérgio Oliveira

"O Departamento Médico disse-nos que o tempo de paragem para estas lesões é entre três a quatro semanas. O que saiu em alguns jornais é mentira."

Marega

"O Marega não tem estado nas convocatórias para ser poupado. Não queremos perder o Marega por muito tempo. São limitações físicas, nada de grave. Estamos sempre a ver quando é que ele pode voltar a entrar nas contas. Ele queixou-se muito na parte final do jogo com o Rangers."

Arbitragens

"Falo quando acho que tenho de falar. Falei na Madeira, mas poderia ter falado noutro jogo qualquer."

O Rangers depois do Desportivo das Aves

"Nenhum treinador no mundo preparado dois jogos ao mesmo tempo, pois não sabemos o que vai acontecer no próximo. Vamos escolher o melhor onze para ganhar ao Aves. É um jogo extremamente importante para nós, como são todos. Há sempre uma pressão grande de ganhar, seja qual for a competição. Somos o FC Porto."

Alex Telles

"O Alex vai estar entre os 22 convocados. Quem estiver melhor e eu achar que deve jogar, joga."

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG