Christine Sinclair fez história no futebol ao chegar aos 185 golos pela seleção

Canadiana bateu recorde de Abby Wambach. Entre os homens o maior goleador é Ali Daei com 109 golos.

Christine Sinclair fez história no futebol ao alcançar a marca de 185 golos pela seleção do Canadá, ultrapassando a norte-americana Abby Wambach (184). A A avançada dos Portland Thorns, dos EUA é agora a maior goleadora de seleções a nível mundial.

Para trás ficaram os tempo da universidade, quando o convenceram a deixar o curso de biologia (sonhava ser fisioterapeuta) para seguir a carreira de jogadora num altura em que o futebol feminino dava os primeiros passos no Canadá. Hoje é capitã da seleção, veste o 12 em homenagem ao jogador de beisebol, que idolatrava, Roberto Alomar, dosToronto Blue Jays, e ouve sempre a música de Man in the Mirror, de Michael Jackson,

A capitã do Canadá (36 anos) marcou dois golos na partida contra o São Cristóvão e Nevis, no torneio Pré-Olímpico da Concacaf, que o Canadá venceu por 11-0.

O feito não passou despercebido à FIFA que destacou o acontecimento nas redes sociais. Assim como a ex-detentora do recorde. "A história foi feita. A tua vitória é a nossa vitória. Nós celebramos contigo. E para todas as miúdas que estão a aparecer com um sonho de alcançar aquilo que ainda não existe pensem: acreditamos em ti. Estamos contigo. E a história está à tua espera", escreveu Abby Wambach.

O maior goleador no masculino é o ex-jogador iraniano Ali Daei, que já balançou a rede 109 vezes. Uma marca que o português Cristiano Ronaldo também persegue. Para já tem 99 golos pela seleção nacional. "Gostaria de bater o recorde do goleador iraniano [Ali Daei]", confessou CR7 antes dos Globe Soccer Awards, no ano passado, no Dubai. Mas se o recorde de Daei está a dez golos de diferença, o de Sinclair parece inatingível a uns 86 golos de diferença.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG