Nélson Oliveira assume "alguns erros" e Ricardo deseja jogar a extremo

Não tiveram espaço no Benfica e no FC Porto, mas Nélson Oliveira e Ricardo Pereira entram nas contas de Fernando Santos

Nélson Oliveira garantiu hoje que quer aproveitar a oportunidade dada pelo selecionador Fernando Santos e, nos dois jogos particulares contra Rússia e Luxemburgo, ganhar um lugar no convocados para a fase final do Euro2016 de futebol.

De regresso à Portugal após dois anos de ausência, o avançado do Nottingham Forest assumiu que cometeu "alguns erros" no passado e por isso acabou por perder o seu espaço não só no Benfica, mas também na seleção lusa.

"Quero ir ao Europeu, o treinador está em fase de observação e quero aproveitar. Tenho agora uma boa oportunidade para demonstrar o meu valor", afirmou o jogador de 24 anos em conferência de imprensa minutos antes do treino de Portugal, no Estádio Nacional.

Nélson Oliveira, que esta temporada marcou dois golos em nove jogos na Championship (segunda divisão inglesa), admitiu que ficou algo surpreendido com a chamada à seleção nacional, visto que atua no campeonato com menos visibilidade.

"Sabia o selecionador me estava a observar. Tenho sempre a esperança de ser chamado. Sabia que seria difícil, mas tentei trabalhar bem para merecer estar aqui", referiu.

Sobre o jogo com a Rússia, em Krasnodar, Oliveira garantiu que Portugal vai entrar para ganhar, apesar de ter pela frente um adversário "muito complicado".

Na mesma conferência de imprensa, Ricardo Pereira também assumiu o objetivo de ganhar um lugar no Europeu e mostrou disponível para atuar em "qualquer posição".

"Sinto-me melhor a extremo, estou mais habituado. Quero é jogar em qualquer lado, quero é jogar", disse o jogador que atua no Nice por empréstimo do FC Porto.

Pela segunda vez convocado por Fernando Santos, o extremo de 22 anos espera contra a Rússia ou contra a Luxemburgo vestir pela primeira vez a camisola da seleção das ?quinas'.

"Quero mostrar o meu valor e aproveitar esta oportunidade. Se queremos ir longe no Europeu, temos que mostrar dentro de campo que temos qualidade", considerou.

Às 12:30, a comitiva lusa viaja a partir do Aeroporto da Lisboa até a Krasnodar, cidade situada no sudeste da Rússia, num voo direto que deverá ter a duração de cerca de seis horas.

Portugal, que assegurou a presença no Europeu do próximo ano após ter vencido o Grupo I de qualificação, defronta a Rússia no sábado, no Estádio Kuban, e três dias depois desloca-se ao Luxemburgo, para novo jogo particular,

Certa é a ausência do capitão Cristiano Ronaldo, que foi poupado por Fernando Santos para os dois últimos jogos da formação lusa este ano e que servem de preparação para a fase final do Europeu de 2016, que vai decorrer em França.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG