Nadal e Medvedev dominadores marcam encontro na final do Open da Austrália

O tenista espanhol venceu o italiano Matteo Berrettini, enquanto o russo levou a melhor sobre o grego Stefanos Tsitsipas.

O tenista espanhol Rafael Nadal, campeão do Open da Austrália em 2009, vai jogar a sexta final em Melbourne Park, e terá no russo Daniil Medvedev o derradeiro desafio rumo ao 21.º título de um Grand Slam.

Naquele que foi apenas o segundo encontro entre ambos, depois da meia-final jogada no Open dos Estados Unidos em 2019, Rafael Nadal voltou a levar a melhor sobre o italiano Matteo Berrettini, 7.º classificado do ranking ATP, com os parciais de 6-3, 6-2, 3-6 e 6-3, ao cabo de duas horas e 55 minutos.

A jogar em Melbourne a sua 36.ª semifinal em majors, o tenista balear, de 35 anos, entrou decidido no encontro, quebrando o possante serviço do transalpino logo no arranque das duas primeiras partidas, antes de ceder o terceiro set com um único break no seu saque ao oitavo jogo.

A quarta partida acabou por confirmar o triunfo de Nadal, que fechou o encontro somando apenas 19 erros não forçados para 28 winners, ao passo que Berrettini, mesmo com 14 ases, não evitou um total de 39 erros não forçados, tendo perdido o seu serviço em quatro ocasiões.

"Comecei o encontro a jogar de forma incrível, com os dois primeiros sets a serem dois dos meus melhores desde há muito tempo", referiu o antigo número um mundial e atual quinto classificado, após garantir o apuramento para a sua 29.ª final de carreira em torneios do Grand Slam, tendo regressado apenas, este mês, à competição depois de uma lesão contraída no pé direito em agosto de 2021.

"Conheço bem o jogo do Matteo, é um jogador muito sólido e perigoso, e no terceiro set sabia que em algum momento ele iria procurar as suas pancadas mais fortes. Precisámos de sofrer, lutar, e lutámos outra vez, e esse é o único caminho para chegar onde estou hoje. Significa muito para mim voltar a jogar uma final aqui", confessou o esquerdino, que irá agora discutir a sua sexta final individual nos Antípodas.

Na derradeira etapa que o separa agora de um possível e inédito 21.º major, que lhe permitirá descolar do registo de 20 troféus do Grand Slam de Roger Federer e Novak Djokovic, Rafael Nadal irá reencontrar Daniil Medvedev, com quem jogou e venceu a final do Open dos Estados Unidos em 2019.

No nono encontro de carreira jogado com Stefanos Tsitsipas (4.º ATP), o moscovita, de 25 anos, voltou a revelar-se mais forte pela sétima vez diante o grego, resolvendo a segunda meia-final da Rod Laver Arena também em quatro partidas, com resultado final de 7-6 (7-5), 4-6, 6-4 e 6-1, ao fim de duas horas e 33 minutos.

O embate que reeditou a meia-final de 2021 arrancou equilibrado, com os dois primeiros sets divididos entre ambos. Apesar de abrir o terceiro parcial com uma dupla falta, e já depois de uma advertência por abuso verbal após exigir "castigo semelhante" para Tsitsipas, por este receber indicações do pai e treinador a partir da bancada, acabou por ser Medvedev a levar a melhor com um break cirúrgico no décimo e último jogo de serviço do grego.

O quarto set, acabou por registar o maior desequilíbrio do encontro, com o número dois mundial a quebrar o serviço ao opositor em duas ocasiões, perdendo apenas três pontos no seu próprio serviço, fechando a estatística do duelo com um total de 15 ases, 39 winners e 25 erros não forçados.

"Muitas vezes perco o encontro por causa de emoções negativas, mas felizmente consegui recuperar a tempo no início do terceiro set. Senti a minha energia a crescer aí e a do Stefanos a descer do outro lado da rede. E acredito que estava preparado para jogar mais se fosse preciso, mesmo depois do esforço do encontro anterior, do qual acabei por recuperar muito bem", assumiu o russo ainda na Rod Laver Arena.

Medvedev vai assim jogar a sua quarta final em torneios do Grand Slam, igualando o registo do compatriota Marat Safin, depois da estreia vitoriosa em Nova Iorque, no último Open dos Estados Unidos, onde impediu Novak Djokovic de chegar ao seu 21.º título major.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG