Morreu o antigo treinador do Sporting Jozef Venglos aos 84 anos

O eslovaco Jozef Venglos, que treinou o Sporting durante duas épocas, entre 1982 e 1984, morreu na terça-feira, aos 84 anos, revelou a federação eslovaca de futebol.

"Senhor Venglos, nunca o esqueceremos", lê-se no comunicado da federação, dando conta de que o antigo treinador morreu rodeado pela sua família, sem dar detalhes sobre a causa de morte, e considerando-o como "a maior personalidade do futebol eslovaco".

Jozef Venglos iniciou a carreira de treinador na Austrália, tendo chegado ao comando da seleção australiana, regressando, em 1969 à então Checoslováquia, onde conquistou dois títulos de campeão e uma Taça, ao comando do Slovan Bratislava.

Na altura, conciliava as funções no clube com a de ajunto na seleção, coadjuvando Václav Jezek, que levou a Checoslováquia à conquista do Euro1976. Dois anos mais tarde, assumiu a seleção, que chegou ao terceiro posto no Euro1980 e 'caiu' na fase de grupos do Mundial de 1982.

Seguiram-se as duas temporadas no Sporting, sem conquistar qualquer título e somando 28 vitórias, sete empates e 10 derrotas nos 45 jogos no banco 'verde e branco', tendo sido o responsável pelas estreias de Paulo Futre e Morato.

Rumou à Ásia, para orientar as seleções de Kuala Lumpur e Malásia, antes de reassumir funções na Checoslováquia, que, com Skuhravy, chegou aos quartos de final do Mundial de 1990.

Depois, em 1990/91, entrou na história, ao assinar pelo Aston Villa, de, por exemplo David Platt, tornando-se no primeiro treinador não britânico a treinar um clube de topo em Inglaterra.

Em Birmingham, na sua apresentação, foi notado o silêncio quando Doug Ellis, o presidente do clube, pediu aos jornalistas presentes: "Levantem as mãos os que conhecerem este homem".

Após ter assegurado a manutenção do Aston Villa, com o modesto 17.º lugar, treinou o Fenerbahçe, antes de se tornar no primeiro selecionador da Eslováquia, entre 1993 e 1995, orientando depois Omã, Celtic Glasgow e JEF United Ichiara.

Foi eleito o treinador do século XX na Eslováquia e, em 2014, recebeu a maior distinção da FIFA, a Ordem de Mérito, pelo desenvolvimento do jogo.

No seu sítio oficial na Internet, o Sporting apresentou "as mais sentidas condolências aos familiares e amigos, não deixando de enaltecer e agradecer os anos de dedicação e devoção ao clube".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG