Diogo Costa, Gonçalo Inácio, Otávio e João Mário chamados à seleção

O selecionador nacional Fernando Santos divulgou o lote de jogadores para os jogos com Rep. Irlanda e Azerbaijão, de apuramento para o Mundial 2022.

O guarda-redes Diogo Costa (FC Porto), o defesa Gonçalo Inácio (Sporting) e o médio Otávio (FC Porto) são as grandes novidades da lista de convocados de Fernando Santos para os jogos com Rep. Irlanda, no dia 1 de setembro no Algarve, e a visita ao Azerbaijão, a 7 de setembro, ambos de apuramento para o Mundial 2022, que se vai realizar no Qatar.

O selecionador nacional promoveu ainda os regressos de João Mário (Benfica), Ricardo Pereira (Everton) e Domingos Duarte (Granada) em relação à lista de jogadores que estiveram no Euro 2020.

Dos três estreantes, a maior surpresa vai para o luso-brasileiro Otávio, médio do FC Porto, que aos 26 anos passa a fazer parte do lote de jogadores da equipa das quinas, seguindo o caminho dos jovens Diogo Costa e Gonçalo Inácio que começaram a temporada como titulares nas respetivas equipas.

Em relação ao Euro 2020 ficaram de fora os lesionados e Renato Sanches e João Félix, além de Rui Silva, Nélson Semedo, José Fonte, Diogo Dalot, William Carvalho e Sérgio Oliveira.

Fernando Santos considera que Otávio "tem características que podem vir a ser úteis à seleção". "É a primeira vez que o Otávio vem à seleção. Tem algumas características que podem vir a ser úteis, portanto nada melhor do que observar in loco o que tem para dar", disse o técnico, em conferência de imprensa.

"Todos os jogadores, sem exceção, que estão nesta convocatória, faziam parte do lote de opções para o Euro 2020, estavam na lista inicial de 40 jogadores. A seleção sempre foi um espaço aberto. A qualidade é um critério fundamental na escolha das convocatórias, mas, nesta fase da época, há outro fator importante, que é a identificação dos jogadores com os processos da equipa, uma vez que não vamos ter tempo para treinar. Vamos jogar de três em três dias", referiu Fernando Santos.

Por outro lado, o selecionador nacional assumiu que o médio luso-brasileiro Matheus Nunes, do Sporting, "está a ser observado há algum tempo" e que tem condições para ser chamado à equipa das quinas. "Não estava no lote dos 40 jogadores para o Euro 2020, porque, nessa altura, ainda não estava apto a representar a seleção. Só há um mês passou a estar apto. Mas estava na lista de 40 jogadores para esta convocatória. Está cá desde os 12 anos, mas já no ano passado foi observado por nós, tal como outros jogadores", disse.

Fernando Santos vincou mesmo que "nunca" irá pedir à Federação Portuguesa de Futebol (FPF) "para naturalizar um jogador para vir à seleção", mas também garantiu nunca irá "discriminar ninguém que esteja apto a representar Portugal". "Desde que estejam aptos e entenda que têm qualidade, fazem parte do lote de observações", comentou.

Se o particular com o Qatar, a 4 de setembro, será "uma oportunidade para observar jogadores" que Fernando Santos não conhece "tão bem", as partidas com República da Irlanda e Azerbaijão contam para o Grupo A de qualificação para o Mundial2022. "Espero que os jogadores respondam à altura. Não havendo tempo para treinar, haverá sempre alguma dificuldade. A Irlanda ainda não tem pontos, mas fez um excelente jogo na Sérvia, apesar de ter perdido por 3-2. Temos o objetivo de estar no Mundial2022 e, para lá chegar, temos de vencer os jogos que temos pelo caminho. Dependemos exclusivamente de nós", salientou o selecionador.

Fernando Santos afirmou ainda que Cristiano Ronaldo está apto para representar a seleção, apesar das notícias que davam conta de uma lesão contraída num treino da Juventus: "Vi nas notícias que teria um problema no braço, mas não sei. Tenho a certeza de que ele está bem. Se o jogador tivesse algum problema, ter-nos-ia informado".

Refira-se que, nesta fase de apuramento, Portugal já realizou três jogos, tendo empatado na Sérvia e vencido o Azerbaijão e Luxemburgo.

Eis a lista completa dos eleitos do selecionador nacional:

Guarda-redes
Rui Patrício (Roma)
Anthony Lopes (Lyon)
Diogo Costa (FC Porto)

Defesa
J
oão Cancelo (Manchester City)
Ricardo Pereira (Everton)
Domingos Duarte (Granada)
Gonçalo Inácio (Sporting)
Pepe (FC Porto)
Rúben Dias (Manchester City)
Nuno Mendes (Sporting)
Raphaël Guerreiro (Borussia Dortmund)

Médios
Danilo Pereira (PSG)
João Palhinha (Sporting)
Rúben Neves (Wolverhampton)
Bruno Fernandes (Manchester United)
João Mário (Benfica)
João Moutinho (Wolverhampton)
Otávio (FC Porto)
Bernardo Silva (Manchester City)

Avançados
André Silva (RB Leipzig)
Cristiano Ronaldo (Juventus)
Diogo Jota (Liverpool)
Gonçalo Guedes (Valência)
Pedro Gonçalves (Sporting)
Rafa Silva (Benfica)

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG