Veículo abalroa soldados nos subúrbios de Paris. Há seis feridos

O suspeito está em fuga

Um veículo abalroou esta manhã um grupo de soldados nos subúrbios de Paris. Há seis feridos, dois deles em estado mais grave, mas nenhum em risco de vida. O suspeito está em fuga.

Os militares em questão fazem parte da operação Sentinnel, criada após o ataque terrorista de janeiro de 2015. Segundo as autoridades, os militares foram atropelados quando saiam de um quartel no centro de Levallois Perret.

O incidente ocorreu no bairro periférico de Paris de Levallois-Perret às 8:00 locais (7:00 em Lisboa), quando ocorria a rendição dos soldados.

A polícia francesa mobilizou "muitos meios" para encontrar o veículo e o condutor, disseram fontes do Ministério do Interior. De acordo com os primeiros elementos da investigação, o carro utilizado no atropelamento foi um BMW de cor preta em que seguia apenas o condutor.

De acordo com as autoridades, citadas pelo jornal Le Figaro, para já o caso está a ser visto como um acidente, estando a decorrer uma investigação.

O presidente de Levallois-Perret afirmou que se tratou de um ato deliberado. "É um ato intolerável e incompreensível", defendeu ainda, segundo o Le Parisien. Patrick Balkany indicou também, em declarações à BFMTV, que uma viatura BMW estava estacionada perto da caserna dos militares.

A polícia local também já afirmou que deverá ter sido um ato voluntário. A secção antiterrorista da Procuradoria de Paris instaurou um processo "por tentativa de assassinato".

O presidente Emmanuel Macron segue o evoluir da investigação, no Palácio do Eliseu, onde decorre o conselho de ministros semanal. É possível que, ao longo do dia, Emmanuel Macron se desloque aos hospitais para onde foram transportados os militares feridos.

A ministra francesa das Forças Armadas, Florence Parly condenou o sucedido considerando tratar-se de um "ato cobarde" que não atingiu a "determinação dos militares" na missão de proteção dos franceses.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

  • no dn.pt
  • Mundo
Pub
Pub