Porto

Paulo Baldaia

Quando é futebol, a Justiça até de si própria desconfia?

Soubemos pelo DN que a SAD do Benfica e os administradores do tempo de Luís Filipe Vieira, onde está incluído o atual presidente Rui Costa, foram constituídos arguidos num super-processo que junta os casos dos e-mails, Vouchers e Mala Ciao. A seu tempo saberemos do envolvimento pessoal de cada um dos administradores, nos casos em que exista envolvimento, mas há muito tempo que sabemos que tudo se resume a um alegado esquema para corromper tudo e todos e fazer do Benfica Campeão de Portugal. É por isso que a investigação procura provas desses alegados crimes de corrupção desportiva e é por isso que a SAD foi constituída arguida, porque seria ela a beneficiária da adulteração de resultados e da verdade desportiva nos anos do Tetra.