Bósnia

Bósnia

A mãe coragem de Sarajevo

Na segunda-feira, dia 14, comemora-se o vigésimo aniversário dos Acordos de Dayton, que puseram termo ao conflito na Bósnia. Entre abril de 1992 e dezembro de 1995, Sarajevo foi uma cidade cercada pelo exército sérvio e à mercê das bombas que caíam todos os dias. Duas décadas depois do fim dos combates, o DN conta a história de um general de origem sérvia e de uma família muçulmana que mostra como a morte e a esperança se cruzam em tempos de guerra