Prisão preventiva para homem detido por fogo posto em Monchique

O homem detido no sábado por suspeita de vários focos de incêndio na serra de Monchique, no Algarve, ficou hoje em prisão preventiva

O homem foi detido na zona da Fóia, após ser "apanhado em flagrante a atear incêndios durante a tarde", referiu no sábado o segundo comandante operacional da Proteção Civil de Faro, Abel Gomes.

O responsável explicou que a detenção ocorreu depois de os bombeiros terem solicitado a intervenção da Guarda Nacional Republicana (GNR) e da Polícia Judiciária (PJ), "face ao número anormal de ignições que se registaram durante a tarde e quase à mesma hora em vários locais do concelho de Monchique".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG