Marcelo Rebelo de Sousa recebido por Raúl Castro no Palácio da Revolução

Presidente da República foi recebido com honras militares pelo homólogo cubano

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, foi recebido na quarta-feira com honras militares pelo seu homólogo cubano, Raúl Castro, no Palácio da Revolução, em Havana, com quem depois se reuniu.

A cerimónia de receção teve início pelas 18:00 (23:00 em Lisboa) e o encontro entre os dois presidentes começou cerca de 20 minutos mais tarde.

O programa oficial dos dois chefes de Estado, que inclui um jantar também no Palácio da Revolução, é reservado e sem declarações à comunicação social.

Antes, Marcelo Rebelo de Sousa depositou uma coroa de flores no monumento nacional dedicado ao mártir da independência de Cuba José Martí.

O Presidente português está em Cuba no visita de Estado inédita, de um dia e meio, que termina na quinta-feira à tarde.

No Palácio da Revolução, Marcelo Rebelo de Sousa e Raúl Castro ouviram os hinos nacionais de Cuba e de Portugal, passaram a revista às tropas e cumprimentaram, um por um, os elementos das delegações dos dois países.

Esta cerimónia decorreu num salão decorado com um mural do artista cubano René Portocarrero e com vegetação natural da Sierra Maestra, onde se concentraram os guerrilheiros da revolução cubana.

Pela parte de Portugal, estavam presentes a secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros, Teresa Ribeiro, o líder parlamentar do PSD, Luís Montenegro, e os deputados António Filipe, do PCP, Idália Serrão, do PS, Hélder Amaral, do CDS-PP, e José Luís Ferreira, do PEV.

Raúl Castro cumprimentou mais demoradamente o deputado comunista António Filipe, com quem trocou algumas palavras.

Na quarta-feira, o Presidente Marcelo Rebelo de Sousa esteve também reunido com o histórico e antigo chefe de Estado cubano Fidel Castro, mas ainda não foram adiantados, por enquanto, quaisquer detalhes sobre o encontro.

Ler mais

Exclusivos