António Costa reúne-se hoje com PEV e PAN

Estão previstas novas reuniões com o BE, segundo fontes do Governo e dos bloquistas, no final de um encontro que terminou sem acordo, segundo o Bloco de Esquerda, mas do qual o Executivo destacou "avanços em vários pontos".

O primeiro-ministro reúne-se esta quarta-feira com dirigentes do PEV e do PAN no âmbito das negociações do Orçamento do Estado para 2022, depois de reuniões com o PCP e BE na terça-feira, com vista à viabilização da proposta orçamental.

A reunião com o PAN -- Pessoas -Animais -Natureza está prevista para as 12:15, na residência oficial do primeiro-ministro, disse à Lusa fonte do partido, que deverá decidir o sentido de voto face à proposta orçamental no próximo fim de semana, em reunião da Comissão Política.

Novas reuniões com o BE também estão previstas, de acordo com fontes do Governo e dos bloquistas, no final de um encontro na terça-feira que terminou sem acordo, segundo o Bloco de Esquerda, mas do qual o Executivo destacou "avanços em vários pontos".

O primeiro-ministro, António Costa, tinha afirmado, na terça-feira de manhã, que o Governo tem "toda a abertura" para "discutir outros temas extra orçamentais, que têm sido colocados por outros partidos, que não têm propriamente a ver com o Orçamento, mas que têm a ver com o estatuto do SNS, que têm a ver com a agenda do trabalho digno".

"Temos toda a disponibilidade para o fazer, e é por isso que está na agenda das negociações e que o Conselho de Ministros aprovará na quinta-feira para debate público", assinalou.

No final da reunião com o BE, que votou contra o OE para 2021, fonte deste partido disse à Lusa que o executivo "recusa a reversão de qualquer das cinco regras que o Bloco quer reverter, ficando por medidas simbólicas que não concretizou por escrito".

Em relação à Segurança Social, não foi feita qualquer proposta, enquanto na saúde o BE espera por "novas redações com eventuais aproximações do Governo".

Fonte do executivo disse, sobre a mesma reunião, que "o Governo apresentou avanços em vários domínios, designadamente nas áreas do trabalho e da saúde".

A mesma fonte adiantou que houve pontos "em que subsistem divergências já conhecidas" e que "há novas reuniões previstas".

"Vamos continuar a trabalhar"

Ao início da noite de terça-feira, em declarações aos jornalistas, o primeiro-ministro disse que vai continuar a trabalhar com os parceiros à esquerda do PS e PAN para um acordo de viabilização da proposta do Governo.

António Costa falava à entrada para um encontro com a JS sobre o Orçamento do Estado para 2022, no Campo Grande, em Lisboa, depois de reuniões com o Bloco de Esquerda e PCP.

"Vamos continuar a trabalhar. Tenho a confiança de que temos um bom Orçamento e que pode naturalmente ser melhorado na Assembleia da República", declarou o secretário-geral do PS.

O primeiro processo de debate parlamentar do OE2022 decorre entre 22 e 27 de outubro, dia em que será feita a votação, na generalidade. A votação final global está agendada para 25 de novembro, na Assembleia da República.

O Orçamento do Estado para 2021 foi aprovado em votação final em 26 de novembro, com o voto a favor do PS, e as abstenções do PEV, PAN e PC. O Bloco de Esquerda, CDS-PP e PSD votaram contra..

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG