República Democrática do Congo regista 37 casos confirmados

Doença já matou 25 pessoas

A República Democrática do Congo (RDCongo) regista 37 casos confirmados de Ébola e mantém as 25 mortes pela doença, divulgou hoje a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Segundo os últimos dados, recolhidos até 30 de maio, foram registados 50 casos, dos quais 37 foram confirmados e 13 considerados prováveis, explicou o porta-voz da OMS, Tarik Jaserivic, na conferência de imprensa bissemanal da ONU em Genebra.

O porta-voz disse que atualmente não há "nenhum caso suspeito" de Ébola, sublinhando ainda que se mantém as 25 mortes pela doença.

Há 13 pessoas hospitalizadas em três áreas da RDCongo.

A OMS e as autoridades sanitárias do país estão a rastrear mais de 700 pessoas para evitar possíveis contágios e monitorar a sua situação.

Desde o passado dia 21 de maio foram vacinadas 682 pessoas, sendo 499 em Bandaka, 113 em Bikoro e 70 em Iboko.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

"Likai-vos" uns aos outros

Quem nunca assistiu, num restaurante, por exemplo, a esta cena de estátuas: o pai a dedar num smartphone, a mãe a dedar noutro smartphone e cada um dos filhos pequenos a fazer o mesmo, eventualmente até a mandar mensagens uns aos outros? É nisto que estamos... Por isso, fiquei muito contente quando, há dias, num jantar em casa de um casal amigo, reparei que, à mesa, está proibido o dedar, porque aí não há telemóvel; às refeições, os miúdos adolescentes falam e contam histórias e estórias, e desabafam, e os pais riem-se com eles, e vão dizendo o que pode ser sumamente útil para a vida de todos... Se há visitas de outros miúdos, são avisados... de que ali os telemóveis ficam à distância...